Feeds:
Posts
Comentários

Archive for fevereiro \18\UTC 2010

Apenas calada

Cansei de falar, falar, falar… Já começo a duvidar se realmente falar de tudo o que se sente vale mesmo a pena. Demorei muito tempo pra poder ter a coragem de dizer tudo o que eu acho, penso e sou. Principalmente quando estou com raiva. Era daquelas que ficava caladinha, fazendo bico. A cara feia sempre foi bem interpretada como ódio, mas o motivo, pra tirar de mim, era uma verdadeira ginástica mental.

Cresci ouvindo das pessoas que passavam por essas situações que isso era errado. Era preciso colocar pra fora, resolver o que tiver de ser resolvido, não deixar as coisas mal-resolvidas. E então eu fui exercitando o lado prático da coisa, dando um gelo ali, falando um pouquinho aqui, até que o meu orgulho pudesse ser deixado de lado e eu realmente começasse a falar.

Agora, depois de anos, quando fico puta, eu falo. E falo pra caralho mesmo, boto tudo pra fora. Esculhambo, brigo, digo que estou me sentindo assim e assado. Com o passar dos tempos, adivinha o que eu virei? Chata e cheia de cobranças. Pra quê, cara?! Pra que as coisas pudessem se resolver? Creio que não.

Adoto uma nova postura antiga simplesmente por não ter mais paciência de falar. E me sentir chata. Ou falarem que eu gosto de cobrar dos outros. É muito melhor ficar calada, afastar as coisas e pessoas que te deixam com ódio e fim. Se por acaso quiserem saber o motivo da raiva – que na minha opinião é fácil de descobrir, já que todo mundo sabe o que faz – que se virem! Eu é que não vou ficar além de puta ainda me trocando com os outros.

Mode blasé, on! Fazendo a egípcia.

Read Full Post »